Header Ads

Câmeras registram confusão que terminou com homem morto por PM


Câmeras de monitoramento de uma casa registrou a discussão motivada por som alto na cidade de Cajazeiras, Sertão do Estado, que deixou duas pessoas feridas por disparos de arma de fogo na manhã deste domingo (23), antevéspera de Natal.

Um policial reformado teria reclamado devido ao volume do som instalado no carro de Antônio Ramalho Martins, conhecido como Hominha. Eles começaram uma discussão e o suspeito teria efetuado os disparos que atingiram também a sobrinha de Hominha, a jovem Gislaine Ramalho dos Santos, de 25 anos.

Ela está no Hospital Regional de Cajazeiras sem perigo de morte, já Hominha não suportou e veio falecer nas primeiras horas da tarde de hoje.


Rezenha Polítika
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.