Ministro do STF nega habeas corpus e Dinaldinho continua afastado do cargo de prefeito - DIÁRIO PATOENSE - Tudo sobre notícias, esportes e entretenimento da Morada do Sol

Ministro do STF nega habeas corpus e Dinaldinho continua afastado do cargo de prefeito


Afastado deste o dia 14 de agosto de 2018, por determinação do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ/PB), em decorrência de pedido feito por processo desencadeado pelo Ministério Público Estadual (MPE) através de investigações na operação Cidade Luz, o prefeito Dinaldinho Wanderley (PSDB), teve habeas corpus negado nesta quarta-feira, dia 22.

O prefeito afastado luta junto com seus advogados para retornar ao cargo de prefeito de Patos, mas tem sofrido sucessivas derrotas no Supremo Tribunal Federal (STF). Nesta quarta-feira, o Ministro Celso de Mello, negou habeas corpus e agora Dinaldinho aguarda outros prazos em processos semelhantes que impõem o afastamento do cargo eletivo.

No próximo sábado, dia 25, tem novos prazos processuais e os juristas acreditam que Dinaldinho deve voltar em virtude destes, mas a certeza vem dando lugar ao boato e a especulação sem concretude. Novas especulações surgem a cada momento e a cidade de Patos vive uma das maiores crises de instabilidade político-administrativa da sua história.

O vereador Sales Júnior (PRB), que estava como presidente da Câmara Municipal de Patos, segue sendo prefeito interino desde a renúncia do vice-prefeito Bonifácio Rocha (PPS), ocorrida no dia 04 de abril de 2019.

Jozivan Antero – Patosonline.com
Ministro do STF nega habeas corpus e Dinaldinho continua afastado do cargo de prefeito Ministro do STF nega habeas corpus e Dinaldinho continua afastado do cargo de prefeito Reviewed by Landres Medeiros on 20:07:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.